Comissão dá sinal verde a teto de aposentadoria de servidores

Proposta do governo de Mato Grosso do Sul que limita a aposentadoria dos servidores ao teto do INSS, de R$ 5,6 mil, passou na Comissão de Constituição de Justiça da Assembleia Legislativa, e deve ser votada até o dia 20 deste mês. Se virar lei, a medida prevê a criação de previdência complementar para quem desejar ter aposentadoria acima deste valor.

“Na próxima semana, deve entrar. Deve ser votado antes do recesso deste ano”, limitou-se a dizer o deputado e vice-presidente da Casa, Onevan de Matos (PSDB).

Ele votou acompanhando o parecer favorável à regular tramitação da proposta, emitido pelo relator e presidente da CCJR, deputado Barbosinha (DEM). Na reunião da semana passada, o deputado Renato Câmara (MDB) havia pedido vista. Segundo Câmara, após análise minuciosa do texto, ficou claro que não haverá prejuízo ao servidor.

* Leia a reportagem, de Yarima Mecchi, na edição de hoje do jornal Correio do Estado.

Banner Lateral (1)
ouça online
Banner Lateral (2)