Jovem ‘contratado’ na fronteira para levar droga para MG é preso pela PMR na MS-276

Durante as ações da Operação ‘Proclamação da República 2018’, a PMR (Polícia Militar Rodoviária) de Amandina interceptou cerca de 50 kg de maconha que estavam sendo transportados em um veículo com placas de Minas Gerais. O jovem de 26 anos, preso na ação, disse ter sido contratado na fronteira para transportar a droga após participar de um encontro de motos.

Segundo as informações a que o Nova News teve acesso, a ação aconteceu em frente à base operacional no km 145, da MS-276, quando os policiais realizavam fiscalização na rodovia quando, por volta das 23h30, abordaram simultaneamente um Fiat Palio Wweekend, com placas de Contagem (MG), e um Fiat Uno, de placas de Belo Horizonte (MG), que trafegavam sentido Ivinhema x Nova Andradina.

Cb image default

Divulgação

Os policiais solicitaram os documentos de ambos condutores, e quando foi pedido para que descessem para abrir o porta-malas, o condutor do Uno desceu e o condutor do palio arrancou com o veículo em alta velocidade.

De imediato, a guarnição iniciou a perseguição ao veículo que foi localizado abandonado cerca de dois quilômetros da base em uma estrada vicinal às margens do Rio Ivinhema. Nada de ilícito no Palio foi encontrado, porém, no Fiat Uno havia um saco plástico no bagageiro contendo 46 tabletes da droga.

Questionado sobre o ilícito, o condutor, de 26 anos, disse ter vindo em Ponta Porã (MS) de um encontro de motos e que foi contratado por uma pessoa de nacionalidade paraguaia para levar o entorpecente de Dourados até Belo Horizonte, onde iria receber a quantia de R$ 5 mil quando chegasse no destino.

Diante dos fatos, os policiais deram voz de prisão ao autor e, após confeccionado o boletim de ocorrência policial, foi entregue na Delegacia de Polícia de Ivinhema para providências cabíveis, juntamente com os veículos, droga, dinheiro e documentos.

Banner Lateral (1)
ouça online
Banner Lateral (2)