Setor de turismo registra leve queda no número de empregos em agosto

Setor de turismo registra leve queda no número de empregos em agosto IMAGE

O setor de turismo em Mato Grosso do Sul registrou uma redução de 0,53% no número de pessoas ocupadas em agosto, na comparação com o mês anteriores, representando 157 vagas de trabalho a menos. Os dados foram analisados pelo IPF (Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento da Federação do Comércio de Mato Grosso do Sul) a partir de estudo da CNC (Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo).

Presidente do IPF-MS e do Sistema Fecomércio, Edison Araújo afirma que, no acumulado do ano, o saldo do Estudo de Empregabilidade do Turismo no Estado é positivo. “Embora tenha havido uma queda no mês de julho, o que devemos observar é que há uma desaceleração quanto ao desemprego. Acreditamos que os indicadores começarão a ser positivos, ainda mais se adotadas estratégias de fomento ao setor”.

Conforme os dados, o nível de ocupação do turismo não está em um patamar satisfatório quando comparado com os últimos três anos. “É preciso que o turismo em Mato Grosso do Sul seja entendido como uma potencialidade econômica, aproveitando as belezas naturais, eventos, negócios e demanda por experiências. A partir do qual, seus efeitos são multiplicadores e se estenderão, por exemplo, a bares, restaurantes, hotéis, atrativos turísticos, transporte, agência”, destacou Araújo.

A Fecomércio contabiliza mais de 50 segmentos que são beneficiados com o turismo. Desde o início de setembro, a instituição, por meio da Cetur (Conselho Empresarial de Turismo e Hospitalidade) e outras instituições entregam aos candidatos ao governo do Estado uma carta de compromisso com reivindicações voltadas à tecnologia e estímulo à exploração do turismo em diferentes regiões do Estado.


Banner Lateral (1)
ouça online
Banner Lateral (2)